Clique aqui e deixe sua mensagem no livro de visitas.

Acesso ao PDA-Portal Digital de Aprendizagem Rede Pitágoras
Acesso restrito aos Professores. Sistema Webgiz _______________________
Curta as novidades da FVT nas Redes Sociais...
Acesso novo sistema de E-mail da Escola.

Independência do BRasil

08/09/2014

A escola Professor Jonathas Pontes Athias realizou um momento cívico em homenagem à Independência do Brasil.


O momento se deu, com o hasteamento das bandeiras no turno da manhã.  E com o arriamento das bandeiras,  no turno da tarde. Entoando o Hino Nacional Brasileiro e o Hino do Estado do Pará.

E para concluir a homenagem, a professora de História - Sueli Caetano, leu o texto a seguir para que pudéssemos refletir sobre essa data tão importante.

 

Texto reflexivo

A INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

É com grande entusiasmo que abrimos mais uma reflexão sobre o dia da Pátria, o dia da Independência de nosso país. Sabemos que não se tratou de um ato heroico do ilustríssimo D. Pedro, mas sim de um acordo político entre os grandes proprietários de terra e o futuro Imperador. Estes com grande agilidade conseguiram evitar uma política recolonizadora imposta por deputados portugueses.

Dessa forma negociou-se a nossa Independência política  e rompeu-se os laços que nos uniam a Portugal. Entretanto a nossa Independência nunca se concretizou efetivamente. Ainda sofremos com uma dependência econômica e tecnológica, ainda sofremos com a fome, com a desigualdade social, com a corrupção, com a impunidade e com tantas outras mazelas que ferem o povo brasileiro.

Contudo, vivemos um momento propício para debates frutíferos sobre o futuro de nossa nação. As eleições se aproximam e temos enquanto jovens estudantes  e  brasileiros, a obrigação cidadã de elegermos representantes que tenham base e consistência em suas propostas, que tenham experiências de vida, que correspondam com as nossas expectativas. Temos também, que ter a consciência de que a Independência que buscamos vai muito além das urnas, pois não está refletida somente nos candidatos, mas em cada um de nós. Nossa responsabilidade para com a nossa Pátria, não termina no ato de votar, muito pelo contrário, esse ato é só o início.

Somente quando políticos e sociedade andarem juntos na mesma direção, conseguiremos caminhar rumo às mudanças que se fazem tão urgentes em nosso país. Segundo o filósofo  Aristóteles, somos todos seres políticos. Então, ou a gente aprende a gostar e a lidar com a política, ou continuaremos dominados por aqueles que gostam. Temos que sair da alienação e da acomodação. A  Independência começa em mim, a Independência começa em você. Não devemos ficar esperando por um herói da Pátria. Afinal somos todos protagonistas desse processo. Só assim conquistaremos a nossa tão sonhada Independência.

                                                                              Sueli Caetano      

 

 

Copyright 1999-2012 - Todos os direitos reservados - FVT - Porto Trombetas-PA